segunda-feira, 20 de junho de 2011

Segue a lição de língua portuguesa para dia 27/06.

Enviada em  19.6.2011                                            Para: 27/6/2011  Impreterivelmente.
Língua Portuguesa                                                     Profª Silvia de Nicolai

EXERCÍCIOS de REFORÇO                            8ª serie                   Atividade para  casa
                                          
PERÍODO COMPOSTO POR SUBORDINAÇÃO – ORAÇÕES SUBSTANTIVAS - REFORÇO

1 - Complete os enunciados a seguir com orações subordinadas substantivas:

a)      O problema é _________________________________________________________.
b)      Nunca duvidei ________________________________________________________ .
c)      É inútil ______________________________________________________________ .
d)      Percebi logo __________________________________________________________ .
e)      Tive a sensação _______________________________________________________ .
f)        Não se sabe ainda ______________________________________________________ .
g)      Ele sabe uma coisa: ____________________________________________________ .

2 – Leia este texto
Anastácia

      Ninguém sabe se ela existiu ou se foi apenas mito. Mas o fato é que a imagem da escrava Anastácia é cultuada por uma legião de fiéis. No século XIX, o explorador francês Étienne Victor Arago desenhou uma ex-princesa de origem banta com uma espécie de mordaça de folha- de- flandres e uma corrente de ferro no pescoço. Dizia-se que Anastácia fora torturada por ter lutado pela liberdade. Tendo se recusado a cumprir ordens, havia sido brutalmente ferida. Tantos castigos a teriam purificado.

Marcelo Duarte. O guia dos Curiosos – Brasil. São Paulo: Companhia da Letras, 1999. p.65.


 3 – Classifique sintaticamente as seguintes orações do texto:

a)      se ela existiu ________________________________________
b)      se foi apenas mito ____________________________________
c)      que a imagem de Anastácia é cultuada por uma legião de fiéis ______________________________________________________________________
d)      que Anastácia fora torturada _______________________________________________.

4 -  Leia o poema , de Elias José

Saudades
Tenho saudade de muitas coisas
Do meu tempo de menininha:
sentar no colo do papai,
ninar boneca sem receios,
chorar de medo da morte de mamãe,
sonhar com festa e bolo de aniversário, cantar com os anjos da igreja,
ouvir as mágicas histórias de vovó,
brincar de pique, de corda e peteca,
acreditar em cegonhas, fadas e bruxas
e sobretudo no Papai Noel.

Será que quando for velhinha,
 e já estiver caducando,
vou viver tudo de novo?

                                                (Cantigas de adolescer. São Paulo: Atual, 1992. p.9.)

1 – O poema apresenta duas partes e duas estrofes. Toda a 1ª estrofe é organizada em torno da oração constituída pelos dois primeiros versos. Nessa oração:

a) Qual é o sujeito? ______________________________________________________.
b) Que função sintática desempenham os termos saudades e de muitas coisas do meu tempo de menininha _________________________________________________________________
______________________________________.

2 – Observe que as “coisas” mencionadas nos dois primeiros versos não são especificadas neles.

a)      Que outros versos especificam as “coisas” de que o eu lírico tem saudades? _________________________________________________________________.
b)      Divida em orações o trecho constituído por esses versos e classifique cada uma delas.
___________________________________________________________________.


3 – Observe as “coisas” de que o eu lírico tem saudades.

a)      Entre elas, há apenas “coisas” boas? Justifique sua resposta.
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________.
b)      Que palavra pode resumir tudo aquilo de que o eu lírico tem saudades ___________________________________________________________________.

4- No final do poema, o eu lírico (aquele que escreve)  aproxima a velhice da infância. O que você acha: Quando envelhecemos nos tornamos crianças outra vez? ______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________.

Nenhum comentário:

Postar um comentário